... Expressividade ...

"Decifra-me mas não me conclua, eu posso te surpreender! - Clarice Lispector

Meu Diário
29/04/2017 20h15
Meu velho touro...

... Sábado chuvoso, dia que remete uma bucolidade única ... uma saudade que não me entristece mais, porém , ainda incomoda saber que essa viagem não tem um retorno breve ... 

Nesse 29 de Abril, minhas orações, pensamentos, vontade de realizar sonhos vem de vc meu velho touro... meu olhar mudou, meu sorriso tem outra cor , minhas prioridades são diferentes ... meus poucos amigos ainda são mais poucos ...

Porém , mais te percebo em mim...ainda sou sua caçulinha que não é mole não ... ainda és meu herói em doces lembranças ... serás sempre meu melhor amor... 

 

Saudades eternas meu velho Touro 

♱José Alves do Carmo.♱


Publicado por MoneCat em 29/04/2017 às 20h15
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Elasendopoesia) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
 
29/04/2017 20h14
A novela da gloria Perez, O paraense é o resto do mundo...

Égua do odioooo .... hahaha!!!
Dá vontade de dá na cara, quando leio essas coisas... E o melhor, e que somos tão Unidos, que é maravilhoso ler os comentários na página ... Por isso to compartilhando pq mexeu com o Pará... E só esperar a inundação de comentários igual la nas docas em dia de toró... pensa! 

Hahahaha

*****************

Orgulho de morar nesse Parazao desde qndo me entendo por gente! Minha família Tda e do interior de SP e meu pai graças a Deus escolheu Pará pra vir tentar a vida ... E mana! Égua de ti... para que Ta feio... mas oh pequena, e "di rocha" mesmo que os paraenses são os mais sensuais do Brasil ... eu tenho orgulho de ser quem sou por ter sido criada no açaí com charque e mana ... Haaaa maninha, não há charque mais gostoso que o original do Pará.
Se eu fosse tu sumana te benzia pq feitiço paraense é o olhar mais encantador, é o melhor abraço quente e acolhedor, e a faladeira pq a gente fala pra caramba e rir muito fácil ... tuedoidae... hei mana, apaga essa fuleragem ai... pq tu já Ta virando Big-big pq as catirobas e as ploc's originais tão rindo da tua lata oh. 

Ah! vai comer peixe frito com açaí la no Veropa... E só depois voltamos a falar contigo Ta firme?

 

Fonte: pagina do Facebook: Orgulho de Ser Paraense.

#orgulhodeserparaense #parazaobom #amoopara #belempara #noveladagloriaperes #aforcadoquerer #recalque #falarammaldebelem #falarammaldoPará #olhasomaninha #quemvaiaoparáparou #genteburra #egua #eguadoodio


Publicado por MoneCat em 29/04/2017 às 20h14
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Elasendopoesia) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
 
29/04/2017 20h11
Catalendas - História De Pescador

Ah meu Paizinho...

esse episódio assistia sempre com o senhor... E como riamos... Oh saudade doída!!

 


Publicado por MoneCat em 29/04/2017 às 20h11
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Elasendopoesia) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
 
29/04/2017 20h10
Palavra Cantada - O Rato

.... Amooooo esse video... Quando vejo videos de minha infancia é que eu descubro que a Moninha sempre estará dentro de mim... 

Oh meu paizinho... como sinto tua falta!!!


Publicado por MoneCat em 29/04/2017 às 20h10
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Elasendopoesia) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
 
29/04/2017 20h10
Desabafo - sou fogo e sou gelo - sou do me ame ou me odeie.

Sou o tipo de pessoa do me ame ou me odeie... Nunca gostei de forçar amizades, nunca fui de fazer nada com a intenção de imitar alguém... Ou mesmo chamar atenção! Tudo o faço e pôr que gosto. E porque me faz bem fazer quem eu admiro e sorrindo pela simplicidade de ter sido lembrado... 

Amo cozinhar e inventar doces, bolos, cremes, quirches e levo com maior gosto de ver quem eu gosto se sentindo bem por eu ter feito com carinho desprendido de qualquer tipo de interesse... 

Ajudo quem meu coração me diz ser boa pessoa ... Boa gente, que não passa a perna em ninguém. 

Não me agrada pessoas que se colocam muito a disposição de outra a toda hora ... a todo momento ... 

Não confio em gente que se aproxima  querendo saber o que sei e porque sei! Gosto de gente que sabe ser gente... Gosto de gente que fica na sua com a intenção de ser apenas um bom ouvinte, um bom conselheiro! 

Me enoja pessoas que fazem caras e bocas quando olha no celular quem Ta ligando... Se não quer falar, simplesmente não atenda! 

Me atraí gente que é gente de coração bom... que ajuda sem nada em troca, que não fica carregando ninguém no colo por necessidade de se ter espaço... 

Me cansa quem vive 24h do seu dia atuando como se fosse uma novela.

Eu sou essa calmaria e explosão!! Sou fogo e sou gelo, depende do tipo de bebedida que vem engarrafada sua alma.

 

#serdeverdade #sertransparente #gostarporgostar #aprendercompessoasdificeis #jamaisdeixedecrernasuafe #serautentica #serdobem #fazerobemsemolharaquem


Publicado por MoneCat em 29/04/2017 às 20h10
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Elasendopoesia) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.



Página 10 de 78 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [«anterior] [próxima»]

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras